Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.

Revista online com textos da PC Terapias escrito pelo Psicoterapeuta e Alquimista do Bem Estar: Paulo César

Clique na revista e Boa Leitura!

Coletânea Textos da PC Terapias

 


NOSSA LOJA VIRTUAL

Clique na imagem e faça uma visita. 


 

Natureza +Vida +Tratamento = tratar a natureza da vida.

A vida consiste em pertencer a aspectos de uma natureza geral. Seja ela física ou espiritual, pois tudo vivencia a vibrações sejam elas positivas ou negativas.

Positivas pelo bem estar ou satisfação e negativas pelo desgaste ou desequilíbrio.

Pertencemos à cadeia dos elementos naturais por consistência da natureza como um todo onde não vemos, mas sentimos; não entendemos, mas pressentimos; não acreditamos, mas aceitamos. Sobrevivemos à ignorância da formação do ser em seu mais inadvertido modo de compreensão do que realmente somos ou do que estamos fazendo aqui, mas aceitamos os desígnios impostos à sobrevivência pelos anos na descoberta do que realmente somos. Somos o que somos e isso é fato, mas o que somos senão parte de uma sustentação gravitacional com pele, ossos, órgãos internos comandantes do pleno funcionamento desta máquina e uma alma inconsciente aprisionada numa carcaça de emoções e reflexos vivenciados por situações vibracionais em que por suas confusões capacitivas desordena o equilíbrio da funcionalidade?

Acreditamos que realmente não cai uma folha de uma árvore se não for da ordem maior da natureza que compõe o início, o meio e o fim. Sustentamos haver uma força maior a nos guiar pelos caminhos da vida. Sendo assim, entendemos que há uma “lei” de equilíbrio a funcionar pelo todo seja na vivencia: mineral, vegetal, animal, hominal e angelical onde as vibrações se complementam pelo bem estar da vida no todo. E nessa parte todos concordamos, pois sempre buscamos apoio em qualquer que seja a vivencia.

A pratica do exercício rotineiro da obediência diária em vivenciar o sentimento do amor pelo todo nos permite a satisfação positiva existencial, mas o fato é que somos muito pretensiosos com a vida nos tornando muito ansiosos pelo outro dia, pelo que está por vir e isso nos arremete a imprudência do vigiar a sustentação de um dia de cada vez. O que queremos sem preparação nos consome com a arbitrariedade da insatisfação, incerteza e até tristeza. Isso gera uma situação negativa acabando por refletir primeiro na alma e depois no corpo ocasionando desajustes pela funcionalidade em sua perfeição existencial.

Em pleno século XXI, sabemos programar e fazer funcionar perfeitamente qualquer objeto ou máquina que venha a contribuir com nossa existência, mas somos incapazes de nos reprogramar para a perfeita funcionalidade interna ou externa.

Somos feitos a semelhança do Criador em seu todo e sempre tentamos aperfeiçoar nossas criações com o entendimento que é ou será melhor para todos. O melhor para todos é aceitarmos que precisamos reinventar nossa história com a gratidão do acordar, do viver e até do repousar. Vivenciar a natureza em vida nos projetará a um tratamento VIP sem consequências em ser feliz. Tratar a natureza da vida é uma oportunidade em entender de que entre o céu e a terra existe muito mais coisas do que podemos querer entender, mas, sobretudo nos alicerça na base de que o amor é um estado de doação para um todo provido de essências balsâmicas tanto para equilíbrio interno como externo já que atualmente somos muito influenciados pelas insatisfações existenciais acorrendo com isso sofrermos em demasia com os males da alma.

Há uma certeza para isso tudo. Estamos mais fortes, porém mais impotentes. Estamos mais consistentes, porém mais solitários. Estamos mais inteligentes, porém ignorantes conosco mesmos. Estamos mais ricos, porém mais dependentes de amor, porque amor não se compra. Amor se ganha, se conquista com a certeza de que se ama, será também amado. Ao anularmos o Egocentrismo (ego), passamos a perceber a condição da multiplicação do ser pelo: “Crescei e Multiplicai-vos”.

Tratar a natureza da vida é cuidar da existência em sua plenitude como base do ensinamento superior do: “Orai e vigiai”. É necessário cuidar da vida pelo sentido pleno do presente oferecido a manifestação do renascer pela oportunidade do criar em plantar e colher para a compreensão de que a vida começa pela observação da movimentação das coisas, da manifestação das coisas, do sentido pleno em sentir as coisas.

Somos realmente o que somos, mas é chegado o tempo da Seara e esse tempo nos impulsiona a sobressaltar nossa ignorância existencial e participar com o todo tratando a natureza da vida pelos cuidados do presente Divino em sua Força Positiva emanada a plena capacidade da observação do entendimento de que muitos os contemplados, porém poucos em equilíbrio para a Semeadura da satisfação existencial pelos anos da vida valiosa e valorosa como qualquer dos elementos na qual entendemos o seu valor na servidão existencial.

Nem tanto ao céu, nem como tanto a terra; Nem tanto ao sal, como nem tanto ao açúcar. É preciso equilíbrio em tudo e o tempo é de equilíbrio. Equilíbrio esse transmitido pela NATUBIOTERAPIA na recomposição do ser em sua busca e jornada por si mesmo extraindo o melhor de si pela positividade de um todo, afinal somos todos um. Um ser, um tempo, um planeta. Sendo este o palco de nossas representações coadjuvados por um sistema de integração para o sucesso em seu bem estar.

Se é dando que se recebe, vamos oferecer mais compreensão para receber mais luz em nossas raízes e assim atingir o equilíbrio entre o ser e o ter nas satisfações do viver.

Se a palavra de ordem é sustentabilidade, a Natubioterapia projeta o ser na sustentação e habilidade em encontrar a razão do ser pelo equilíbrio do corpo e da alma juntos pelo caminho do dá e receberás envolto na certeza de que a vida é uma conquista existencial e não material na desigualdade de valores e avaliações.

Ser ou não ser. Eis a questão. Parece velho, mas é atual só certificando que até hoje não “olhamos” profundamente em nossas bases com medo do que realmente poderemos “enxergar”.

Tratar a natureza da vida é hoje uma necessidade refletida em nossos planos de ações com tudo o que interagimos e não entendemos fazermos parte em sua totalidade.

A vida é o principio inteligente em sua forma mais simples, porém complexa se não se entender de que antes mesmo da arvore genealógica você faz parte de sentidos e sentimentos. Emoções e reflexos. Vibração e intensidade. Começo e fim do que se projetou e se determinou a cumprir para consigo mesmo pela lei da sustentabilidade pela natureza da vida.       

Tecnologia UniversoNet.